Av. das Esmeraldas, 2899 - Jardim Tangara, Marília - SP
Email
recepcao@clinicasgarbi.com.br
Fale Conosco
(14) 3433-2423 / (14) 3433-0268 / (14) 98135-4871

Postado em 11/10/2018

11 de Outubro, Dia Mundil da Obesidade

Obesidade: eu trato com respeito

MANIFESTO

Obesidade: eu trato com respeito

(nas redes sociais, use a hashtag #obesidadeeutratocomrespeito)

Tratar a obesidade com respeito implica disseminar informações sobre o assunto de maneira responsável, checando suas referências. É deixar o sensacionalismo de lado ao abordar o tema. É não dar destaque a dietas milagrosas que colocam em risco a saúde e a vida das pessoas. Tratar a obesidade com respeito é respeitar o paciente com obesidade. Respeitar a sua condição, é não reforçar a ideia errada de que a obesidade é culpa de quem tem. Tratar a obesidade com respeito é reconhecer que ela é uma doença crônica multifatorial. Tratar a obesidade com respeito é investir na criação de políticas públicas de prevenção e tratamento, investir em protocolos e diretrizes junto às sociedades do setor para atender da melhor maneira o paciente com obesidade, tanto no âmbito público quanto no privado. É investir no acesso ao tratamento multidisciplinar. Tratar a obesidade com respeito é integrar o tema aos currículos das escolas de medicina e de outras profissões ligadas ao atendimento do paciente com obesidade. É investir em atualização contínua desses profissionais. Tratar a obesidade com respeito é respeitar a ciência e suas descobertas, e apoiar estudos na área. É reconhecer a necessidade do acesso ao tratamento completo, que pode, sim, incluir medicamentos, como em qualquer doença crônica. É considerar a cirurgia bariátrica como parte do tratamento, quando necessário.

 

OBESIDADE É DOENÇA!

Obesidade é uma doença crônica que tende a piorar com o passar dos anos, caso o paciente não seja submetido a um tratamento adequado e contínuo. Além de reduzir a qualidade de vida, pode predispor a doenças como diabetes, doenças cardiovasculares, asma, gordura no fígado e até alguns tipos de câncer. A Organização Mundial da Saúde (OMS), inclusive, aponta a obesidade como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo.

 

NO MUNDO A projeção é que, em 2025, cerca de 2,3 bilhões de adultos estejam com excesso de peso, sendo mais de 700 milhões, com obesidade. O número de crianças com sobrepeso e obesidade poderá chegar a 75 milhões, caso nada seja feito.

NO BRASIL 2016 - Mais de 50% da população tem excesso de peso (na faixa de sobrepeso e obesidade).

 

COMO VOCÊ ESTÁ?

Peso_________kg Altura________cm

Seu IMC é______________kg/m2

Em adultos, para saber se o peso está normal, usamos o IMC – Índice de Massa Corporal.

 

 

IMC

CLASSIFICAÇÃO

1 Menor que 18,5

Abaixo do peso

2 Entre 18,6 e 24,9

Peso normal

3 Entre 25,0 e 29,9

Sobrepeso/pré-obesidade

4 Entre 30,0 e 34,9

Obesidade grau 1

5 Entre 35,0 e 39,9

Obesidade grau 2

6 Acima de 40

Obesidade grau 3

 

1 – Isso pode ser apenas uma característica pessoal, mas pode, também, ser sinal de desnutrição.

2 – Parabéns, você está com peso normal, mas é importante que você mantenha hábitos saudáveis de vida para que continue assim.

3 – Atenção! Você está com sobrepeso. Embora ainda não esteja na faixa de obesidade, algumas pessoas já podem apresentar doenças associadas, como diabetes e hipertensão, nessa faixa de IMC. Reveja e melhore seus hábitos!

4 – Sinal de alerta! Chegou a hora de se cuidar, mesmo que seus exames sejam normais. Vamos dar início a mudanças hoje! Cuide de sua alimentação. Você precisa iniciar um acompanhamento com nutricionista e/ou endocrinologista.

5 e 6 – Sinal vermelho! Nessas faixas de IMC, o risco de doenças associadas está entre grave e muito grave. Não perca tempo! Busque ajuda profissional já!

 

GORDURA NA BARRIGA, PERIGO À VISTA!

Quando a gordura se instala entre os órgãos do abdômen e aumenta a barriga, ela é perigosa, e sempre merece ser combatida. Ela está por trás de muitos males fatais associados à obesidade. A medida da circunferência abdominal reflete de forma indireta o tipo de gordura entre os órgãos da região. A OMS estabelece que a medida igual ou superior a 94 cm em homens e 80 cm em mulheres já aumenta o risco, especialmente de doenças ligadas ao coração. Eliminar gordura abdominal, por meio de atividades aeróbicas, como caminhada, bicicleta, corrida, pode trazer muitos benefícios ao reduzir os riscos de doenças. Mudando hábitos dá para viver mais e melhor!

 

OBESIDADE NA INFÂNCIA

Caso nada seja feito para reverter a curva de crescimento, em 2025, 11,3 milhões de crianças no país estarão com excesso de peso.

A hora de agir é agora! A obesidade coloca a saúde das crianças em perigo imediato.

Projeção para 2025...

- 427 mil crianças terão pré-diabetes

- 150 mil terão diabetes tipo 2

- 1 milhão terá hipertensão arterial

- 1,4 milhão terá esteatose hepática não alcoólica em estágio 1

 

CONFIRA COMO SEU FILHO ESTÁ

Para saber se a criança está com peso normal, o método é diferente do usado para adultos. Falamos em escore Z-IMC, que indica a posição relativa do número do IMC da criança entre aquelas da mesma idade e sexo. Para facilitar o diagnóstico, são usados gráficos.

Faixa de Z-IMC: ______

 

ZIMC ≥ +3: obesidade grave

ZIMC ≥ +2: obesidade

ZIMC ≥ +1 e < +2: sobrepeso

ZIMC ≥ -2 e < +1: peso normal

ZIMC < -2: magreza

ZIMC < -3: magreza acentuada

 

MUDAR HOJE PARA VIVER MAIS E MELHOR

 

 

SBEM - Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia 

 

Copyright © 2018 Clinica Sgarbi. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por